Slow Closet: roupeiros virtuais para vendas em segunda mão

  • A plataforma de e-commerce portuguesa Slow Closet permite criar o próprio roupeiro online para vender roupa, sapatos e acessórios em segunda mão.
  • A startup disponibiliza também um serviço de organização de roupeiros, deslocando-se a casa dos clientes para ensinar técnicas de organização.

Subscreva o nosso podcast em:
Apple Podcasts | Spotify | Google Podcasts | TuneIn

Com a missão de promover hábitos mais sustentáveis, a plataforma de e-commerce portuguesa Slow Closet permite vender roupa, sapatos e acessórios em segunda mão.

Nesta plataforma, cada vendedor tem o seu próprio roupeiro virtual, que está identificado com o nome do proprietário para facilitar a pesquisa e a partilha com qualquer amigo, conhecido ou familiar.

Dentro de cada closet, os compradores podem encontrar o que procuram pesquisando por categorias, tamanho, marcas, cores ou estado.

Além disso, é possível também doar as peças que não foram aprovadas para venda a instituições de solidariedade social, incluindo o Centro de Apoio ao Sem Abrigo e a Comunidade Vida e Paz.

A Slow Closet disponibiliza ainda um serviço de organização de roupeiros, deslocando-se a casa dos clientes para ensinar técnicas de organização e ajudá-los a selecionar peças em bom estado para venda ou doação.

Esta plataforma foi lançada em 2019 e faz parte de uma nova geração de startups que está a promover hábitos mais sustentáveis na indústria da moda, que é a segunda indústria mais poluente do mundo.


Se a transformção na indústria da moda é importante para a sua empresa, contacte a FABERNOVEL:

Author avatar
FABERNOVEL
A FABERNOVEL é uma agência de inovação nativa digital que ajuda as grandes organizações a construir o futuro das suas indústrias, à velocidade das startups. Com uma abordagem centrada no utilizador, acompanhamos a concepção, a prototipagem e o teste de produtos e serviços inéditos, bem como na implementação de estratégias inovadoras, novos modelos de negócio, novas experiências físicas e digitais. Com escritórios em: Paris, Lisboa (Estoril), São Francisco, Shanghai, Singapura, Casablanca e Beirute.
We use cookies to give you the best experience.