Pinterest: Era uma vez…

Pinterest é a rede social de maior crescimento actualmente, superando de longe outras entradas recentes no mundo de media social.
Mas o Pinterest não é para todos. Ou se ama ou se odeia!

Afinal o que é o Pinterest?
O video abaixo explica esta rede social

Se procurarmos no Google Trends a palavra Pinterest, as primeiras referências só aparecem a partir de 2011 e a partir daí disparam. Mas o Pinterest não foi fundado em 2011… ou em 2010. O Pinterest começou em 2009.

O Pinterest teve vários co-fundadores, 4 actuais, e já passou por 2 CEO’s. Actualmente o CEO é Ben Silbermann.
Ben cresceu em Des Moines, no estado do Iowa nos Estados Unidos numa família de médicos e hoje tem 29 anos.

Em criança adorava coleccionar coisas: selos, borboletas, o que fosse! Tem uma profunda admiração por Walt Disney e… Steve Jobs, embora não se identifique com eles.

Fascinado com o mundo das start ups, Silbermann decidiu começar pela Google, e conseguiu uma função básica na empresa. Enquanto trabalhava na Google, ele teve algumas formações na Y-Combinator, a famosa incubadora de start-ups de Silicon Valley, que despoletou sucessos como o Instagram e a Dropbox.

No entanto, Silbermann sentia-se frustrado com o trabalho na Google porque não o deixavam construir produtos…
E em 2008 deixou a Google e passou alguns meses a perceber o que queria fazer da vida. Durante este período, retomou contacto com o seu amigo da faculdade Paul Sciarra que entretanto também tinha deixado o seu emprego em Nova York no fundo de investimento Radius Capital, e criaram a Cold Brew Labs.

Na Cool Brew Labs, Silbermann criou a Tote, uma aplicação para iPhone que tirava dados de produtos em catálogos online e criava um mega catálogo. Era possível encontrar certos produtos por empresa e por localização.
Mas, a Tote não conseguiu ser bem sucedida, porque ainda não havia utilizadores suficientes interessados em comprar on line através desta App e nesta altura a Apple ainda não permitia “in-app purchase” (compras dentro da aplicação), o que também limitava o potencial de negócio desta aplicação.

Mas, seguindo o modelo de negócio que tinha criado para a Tote durante o verão de 2009, Silbermann e com uma equipa muito pequena de programadores, começou a trabalhar num produto construído à volta deste comportamento. Seria um produto para a Internet: uma plataforma.

A equipa desenvolveu uma estrutura que permitia os utilizadores colocarem imagens de coisas em “baldes”.

No final do Outono de 2009 estava quase terminado e Silbermann já tinha convencido os directores que o novo produto seria o futuro da empresa.

No jantar de Acção de Graças, a namorada de Silbermann num brainstorming batizou esta plataforma de Pinterest.

Quando Silbermann e Sciarra mostraram o site a amigos e familia, no final de 2009 e início de 2010, ninguém o percebeu o objectivo deste site / rede social.

E por isso, ninguém imaginava a audiência / crescimento que conseguiu em apenas 2 anos.

– Chegam os investidores:
2 meses após o seu lançamento Pinterest apresentava um crescimento médio 50% / mês em novos de utilizadores.

  • Em Maio de 2011 a Bessemer Venture Partners investe 10 milhões de dólares.
  • No Outono de 2011 a Andreessen Horowitz investe 27 milhões de dólares, valorizando o Pinterest em 200 milhões de dólares.
  • Em Maio deste ano, o site de ecommerce japonês Rakuten liderou mais um aumento de capital do Pinterest com um investimento de 50 milhões de dólares no total de 100 milhões de dólares de todos os fundos de investimento que participaram, valorizaram assim o Pinterest em 1,5 mil milhões de dólares
Wall Street Journal – Digits
Rakuten investe no Pinterest
Rakuten, the largest e-commerce site in Japan, is expected to be the lead investor in the much-contested next round of funding for Silicon Valley’s hottest start-up, Pinterest. Kara Swisher has details on digits.

A Pinterest actualmente tem apenas 40 colaboradores.

Actualmente e só nos EUA, o Pinterest tem mais de 11 milhões de utilizadores e mais de 104 milhões de visitas por mês.

Recentemente, Paul deixou o Pinterest e é neste momento consultor do fundo de investimento Andreessen Horowitz (que também participa no capital do Pinterest).

Para melhor entender o Pinterest veja o video que explica aos markteers a importância e perfil desta nova rede social:

Nota: Conteúdo parcial do trabalho apresentado por Sónia Santos na disciplina de Modelos de Negócio Digitais do Executive Master em Marketing Digital no ISLA

Relacionados:
Pinterest: A nova rede social [Infográfico]

Tagged with: