Amazon prepara-se para entrar no setor bancário?

  • A Amazon está a construir o seu ecossistema de pagamentos, através de diferentes serviços.
  • E tudo indica que está a testar serviços financeiros… e que pode mesmo adquirir um banco.

A Amazon está a expandir significativamente a sua presença no domínio dos pagamentos digitais e poderá vir a posicionar-se como um player relevante neste segmento à medida que constrói o seu ecossistema de pagamentos através de diferentes serviços.

A gigante de e-commerce expandiu o Amazon Pay, que agora abrange mais de 33 milhões de utilizadores e 133 retalhistas, e lançou o Amazon Pay Places, a versão mobile do Amazon Pay, para pagamentos em loja. As duas plataformas utilizam as informações de pagamento dos clientes, que constam nas contas Amazon.com, para oferecer uma experiência fluída no pagamento de bens e serviços online e em lojas físicas.

A Amazon possui mais de 310 milhões de clientes ativos, familiarizados com os seus métodos de pagamento e é expectável que impulsione a sua base de consumidores para conquistar o mercado fragmentado de pagamentos mobile nos Estados Unidos.

Nesse sentido, a gigante criou um serviço que permite depositar dinheiro, em determinadas lojas físicas, às contas Amazon.com (semelhante a depósitos bancários) e um programa de fidelidade que oferece aos membros do Amazon Prime um cash back de 2% sempre que depositam dinheiro na Amazon Balance através de cartão de débito ou conta bancária associada.

Quais as vantagens da Amazon na indústria dos pagamentos?

  • Possui uma sólida base de utilizadores. A App da Amazon está instalada em 3 em cada 4 smartphones nos Estados Unidos; estima-se que o seu programa de fidelização (Amazon Prime) tem cerca de 80 milhões de membros, só nos Estados Unidos; e o Amazon Pay possui mais de 33 milhões de utilizadores.
  • Grande capacidade de investimento. As vendas da empresa deverão crescer entre 16 a 24%, ano após ano, para entre 35 e 37 mil milhões de dólares e a Amazon e não tem medo de arriscar em novos negócios, com uma perspectiva a longo prazo.
  • Possui a infraestrutura necessária para criar com rapidez uma rede de pagamentos, uma vez que o processamento de pagamentos digitais poderá facilmente ser assegurado pela solução cloud Amazon Web Services.

Prestador de serviços bancários

Além do segmento de pagamentos, a Amazon tem vindo a posicionar-se como um prestador de serviços bancários, como é o caso dos empréstimos (no último ano, financiou mais de mil milhões de dólares em pequenos empréstimos aos comerciantes que vendem na sua plataforma). Alguns rumores indicam ainda que poderá estar interessada na compra do banco Capital One. Estará a Amazon a preparar-se para disromper a indústria financeira?

Tagged with: