Web Summit 5 de novembro

Subscreva o nosso podcast em:
Apple Podcasts | Spotify | Google Podcasts | TuneIn

O Web Summit é o maior evento de tecnologia europeu, que teve a primeira edição, em 2009, em Dublin, na Irlanda.

Desde 2016, a conferência passou a realizar-se em Lisboa, na Altice Arena & FIL, onde permanecerá pelo menos até 2028.

Em 2018, a Web Summit atingiu números recorde com cerca de 70 mil participantes de 159 países, mais de 1.200 oradores e mais de 1.800 startups.

Conferências que destacamos:

Às 10h, no Palco Central, da Altice Arena, Hans Vestberg, CEO da operadora de telecomunicações norte-americana Verizon, vai falar sobre os desafios e as novas oportunidades do 5G para as empresas, na talk “Are you ready for 5G?”.

Mais tarde, e diríamos que é imperdível, às 10h45 também no palco central “Building Calibra and increasing access to the global economy”. Kevin Weil, vice-presidente da Calibra, vai explicar os planos do Facebook em relação à criptomoeda Libra que pretende lançar no primeiro semestre de 2020.

Às 10h45, no palco Auto/Tech, poderá assistir à talk “How our first million connected vehicles and machines support our customers’ business“, que será apresentada por Anna Westerberg, Senior Vice-President of Connected Solutions do Grupo Volvo.

No palco UnBoxed, às 11h15, vai decorrer a talk “New releases for the smart home“, onde será discutido o futuro das casas conectadas.

Às 12h20, no palco Auto/Tech, destacamos a talk “Re-imagining the global transport ecosystem” sobre as inovações que estão a transformar o setor dos transportes.

No palco SaaS Monster, às 13h25, começa a talk “How space-based networks will bring internet to the world?”, onde Adrian Steckel, CEO da OneWeb, vai explicar a ambição da sua empresa no desenvolvimento de uma rede de mini-satélites para o fornecimento de Internet em áreas rurais.

Logo a seguir, vale a pena ir ao Palco Central, às 14h, ouvir Manik Gupta, Chief Product Officer da Uber, partilhar a visão a longo prazo da Uber para se transformar numa Super App que dá resposta às várias necessidades do dia a dia, na talk “Uber’s road ahead“.

Mas se o seu interesse é sobre a indústria financeira, não perca às 13h55, no palco Future Societies, um debate que vai explorar a melhor forma de oferecer serviços financeiros em economias emergentes na talk “Debunking the unbanked: bringing payments to the masses.”

Logo a seguir às 14h15, também no palco Future Societies, “Has technology replaced religion?” é o mote para o debate entre Tony Campolo, professor emérito de sociologia na Eastern University e Steve Petersen, professor de filosofia na Niagara University. Os dois professores vão mostrar os seus pontos de vista sobre o papel da religião na sociedade, numa altura em que os avanços tecnológicos têm colocado, cada vez mais, em causa a religião.

Às 15h30, no palco Creatiff, sugerimos a talk “Design without borders: the future of globalisation and the industry” sobre os novos desafios dos designers.

Para terminar o dia, no palco Planet/Tech, às 15h55, vale a pena assistir à talk “The role of technology in climate action” com Kate Brandt, Chief Sustainability Officer da Google, que vem explicar como é que a tecnologia da Google está a ser desenvolvida e utilizada a pensar num futuro sustentável.