• A ComCrop transforma terraços de edifícios em hortas urbanas para o cultivo de manjericão, hortelã, alface e outros vegetais, através de um sistema hidropónico. 
  • Neste momento, a ComCrop opera uma horta que produz 50 kg de verduras todos os dias que são fornecidas a supermercados de Singapura.


Subscreva o nosso podcast em:
Apple Podcasts | Spotify | Google Podcasts | TuneIn

Fundada em 2013 por Allan Lim, a ComCrop é uma empresa de Singapura que transforma terraços de edifícios em hortas urbanas para o cultivo de manjericão, hortelã, alface e outros vegetais. 

Através de um sistema hidropónico, ou seja, de cultivo sem solo, as hortas desenvolvem-se consumindo menos recursos do que na agricultura tradicional. Por exemplo, tiram partido da luz natural, não é necessário pesticidas, porque estão em ambiente controlado, e requerem menos 90% de água.

A gestão também é feita de uma forma mais eficiente, através de uma monitorização automatizada que analisa a qualidade da água (níveis de PH e nutrientes) e adiciona fertilizante sempre que necessário.

Neste momento, a ComCrop opera uma horta que produz 50 kg de verduras todos os dias que são fornecidas a supermercados. Para expandir a capacidade e a variedade de produção, vão ser construídas mais sete estufas, com o objetivo de atingir as 200 toneladas de verduras por ano. 

Com a vantagem de ter a produção mais próxima do cliente final, a ComCrop tem operação em Singapura, onde tem parcerias com retalhistas como a RedMart, a FairPrice e a Sproutfore.

Com a missão de produzir produtos saudáveis, tem também uma parceria com um restaurante (Pope Jai Thai) para a comercialização de um molho pesto que é vendido em mercados agrícolas e em supermercados. 

A ComCrop dinamiza também visitas para empresas e escolas como forma de educar os consumidores sobre aquilo que podem fazer para ajudar ao desenvolvimento da indústria. 

 

 

 


Se a transformação na agricultura é importante para a sua empresa, contacte a FABERNOVEL: