• O dispositivo da Kumulus é capaz de produzir até 30 litros de água por dia, a partir do ar. 
  • O objetivo é que o Kumulus-1 permita personalizar os tipos de minerais que podem ser adicionados. 

Fundada na Tunísia em 2021, a Kumulus tem a ambição de tornar o acesso à água potável mais económico e ecológico. A startup criou um dispositivo que gera água a partir do ar e, dependendo da humidade, é capaz de produzir até 30 litros de água por dia.

O sistema é alimentado por energia solar e funciona de forma simples: o ar entra através de pequenos orifícios no topo do dispositivo e passa por um filtro inicial. A humidade é transformada em gotas e, no final, a água é filtrada, mineralizada e armazenada num depósito. Depois é só encher um copo ou uma garrafa.

Conectado a uma aplicação, o dispositivo pode ser controlado remotamente, quer seja para monitorizar a qualidade ou a quantidade de água disponível. 

O objetivo é que o Kumulus-1 permita personalizar os tipos de minerais que podem ser adicionados. 

Neste momento, esta solução já está a funcionar em escolas na Tunísia.  

A Kumulus já tem encomendas de clientes em França, Itália, México e Uruguai.