Apple: Novos iPhones vendem 9 milhões de unidades em 3 dias

A Apple anunciou hoje, que nos primeiros três dias de venda os novos iPhones 5C e 5S venderam 9 milhões de unidades. E que o iPhone 5S esgotou em 24 horas!
É um novo recorde de vendas do iPhone, que representa um crescimento de 80% quando comparado com o anterior iPhone 5.iphone5s-5c

Os novos iPhones, estão disponíveis apenas nos Estados Unidos, Austrália, Canadá, China, França, Alemanha, Hong Kong, Japão, Porto Rico, Singapura e Reino Unido. Até final do ano os novos iPhones estarão disponíveis em 100 países.

Económico TV: Edição das 12, 30 de Setembro 2013

Tim Cook – CEO da Apple, na sexta-feira inaugurou a sua conta de Twitter partilhou no seu primeiro Tweet que visitou as Apple Stores para ver pessoalmente os seus clientes felizes 🙂

E hoje, fez um novo Tweet a agradecer:

Outras informações que a Apple divulgou foi o número de downloads/atualização do novo iOS 7, que já é superior a 200 milhões de dispositivos, que o tornam no “upgrade” do sistema operativo mais rápido de sempre.

E para os meus amigos da Rádio, que continuam a olhar para o lado a ver os concorrentes no Bareme está na hora de começar a olhar para a frente, pois o iTunes Radio (para já apenas disponível nos Estados Unidos) pode ser um “comboio em sentido contrário” pois nos primeiros 5 dias captou 11 milhões de ouvintes e com contratos de publicidade de dezenas de milhões de dólares. A Pepsi, um dos principais anunciantes criou um canal – Pulse Pop com grande destaque no iTunes Radio.

Pepsi-Pulse-POP

Evolução das vendas do iPhone nos primeiros três dias após o lançamento:

apples-gigantic-opening-weekend-iphone-sales-in-context

Fonte: Business Insider

Author avatar
Nuno Ribeiro
Portugal General Manager da agência de inovação FABERNOVEL. Foi diretor da unidade de negócio multimédia do grupo Global Media (2008 a 2012), diretor da unidade de negócios de Internet do grupo Cofina Media (1999 a 2008) e consultor do secretário de Estado da Comunicação Social para a área digital (1997 a 2002). Em paralelo com a atividade profissional foi docente, coordenador de programas executivos e pós-graduações nas Universidades: Católica-Lisbon, Europeia, ISEG e Lusófona (2001 a 2016). Colaborou com artigos de opinião e comentador, sobre temas de inovação, transformação digital e nova economia nos media: Visão, Diário de Notícias, Meios & Publicidade e Económico TV. 
Autor do livro Gerir na Era Digital (2011). É licenciado em Economia pela Católica-Lisbon, onde também concluiu o curso avançado Gestão de empresas tecnológicas e uma pós-graduação em Media e Entretenimento.
We use cookies to give you the best experience.