Amazon lança serviço de kits com frescos

  • Amazon começou a vender kits de frescos, através do serviço Amazon Fresh e está num caminho sem retorno para transformar a experiência de compra destes produtos.

Depois do anúncio da compra da Whole Foods, nenhuma dúvida restava sobre a entrada da Amazon com os dois pés no retalho alimentar. A gigante de e-commerce começou a dar os primeiros passos e avançou para a venda de kits de frescos, a membros do Amazon Prime (programa de fidelização da Amazon).

Juntando as duas peças do puzzle (aquisição da Whole Foods + kits), a estratégia parece centrar-se numa maior rentabilização da atual base de clientes do Amazon Prime do que na captação de novos clientes. Na realidade, 52% dos clientes da Whole Foods são membros do Amazon Prime; gastam mais em compras de frescos em loja do que os não membros do Prime; e têm hábitos de compra através de serviços online (de acordo com  1010data).

Embora as empresas de serviços de subscrição de kits enfrentem alguns desafios para conquistar clientes, a Amazon poderá usufruir de uma operação mais eficiente. A sua grande vantagem? As receitas de subscrição do Amazon Prime para compensar custos e uma cadeia de distribuição já montada.

Não há dúvidas de que a Amazon está a avançar em força no mercado de frescos e de que ambiciona fidelizar ao seu ecosssistema clientes com maior poder de compra (os produtos da Whole Foods são premium).