• O Whatnot é um novo marketplace que permite a qualquer pessoa vender artigos de colecionismo, como jogos de cartas e figuras colecionáveis.
  • A App inova por oferecer uma experiência social em que as vendas podem ser feitas por livestreaming com interação dos compradores. 

Subscreva o nosso podcast em:
Apple Podcasts | Spotify | Google Podcasts | TuneIn

O Whatnot é um novo marketplace que permite a qualquer pessoa vender artigos de colecionismo, como jogos de cartas e figuras colecionáveis. Criado em 2019, em Los Angeles, por dois colecionadores, Grant LaFontaine e Logan Head, o Whatnot inova por oferecer uma experiência social em que as vendas podem ser feitas por livestreaming – uma tendência em grande crescimento, sobretudo na China

Através da aplicação, os vendedores anunciam sempre que vai decorrer uma venda em direto e têm a possibilidade de fazê-lo num modelo de leilão, em que os membros da comunidade podem ir licitando e interagindo através de comentários.

Com uma usabilidade semelhante ao Instagram, cada vendedor pode criar um perfil na aplicação, onde pode partilhar fotografias dos artigos. Ou seja, o perfil funciona como uma mini-loja, que permite comprar, de imediato, ou apresentar uma oferta de compra.

A Whatnot possibilita pesquisas diretas por produtos, sendo que cada produto também tem um perfil associado e que agrega toda a oferta da comunidade de vendedores.

Desde 2019, as vendas têm crescido em média 60% por mês, com os vendedores mais populares a atingir mais de 2 milhões de dólares.

 

Os planos da Whatnot passam por adicionar mais categorias de produtos, incluindo videojogos, livros de banda desenhada, brinquedos e moda vintage.

A startup já captou perto de 25 milhões de dólares e tem como principais investidores a Y Combinator e a Andreessen Horowitz (a16z).


Se a transformação na indústria de retalho é importante para a sua empresa, contacte a FABERNOVEL: