Apple: iPad 2 pode representar 28 mil milhões de dólares de receitas

Hoje, que é dia de Carnaval decidi disfarçar-me de analista de Wall Street e fazer as contas ao potencial de receitas e lucro do iPad 2 nas contas da Apple 🙂

É um facto que o iPad é mais um produto de sucesso e que representou em termos de receitas directas, só no último trimestre, 4,9 mil milhões de dólares com 7,33 milhões de unidades vendidas.

A minha previsão (conservadora), aponta para 10 milhões de unidades de iPad vendidos por trimestre. Considero conservadora porque a venda em vários países será mais rápida do que a primeira versão do iPad e porque as vendas serão progressivas e crescentes ao longo do ano.

Mas, partindo então deste número de 10 milhões de unidades vendidas por trimestre,  a conversão para dólares é a seguinte:

Receitas
iPad= 6,684 mil milhões de dólares por trimestre (+36% face ao último trimestre) e 27,739 mil milhões de dólares ano (preço médio mantêm-se nos 668,4 dólares por unidade).

Outras receitas derivadas do iPad:



A fantástica capa inteligente (“smart cover”), que passa a ser “obrigatória”.
Se 80% dos compradores de iPad 2 comprarem a capa de 39 dólares (se a Apple vender aos retalhistas a 20 dólares), as receitas com a capa serão de 160 milhões de dólares por trimestre e 640 milhões de dólares ano. Mais uma vez estou a ser conservador, pois julgo que mais de 90% comprarão a capa e a há uma capa em pele custará 69 dólares (e poderá ser vendida aos retalhistas a 50 dólares).

Cabo HMDI, se 10% comprarem o cabo HDMI que permitirá ligar o iPad a uma televisão, são mais 20 milhões de dólares por trimestre e 80 milhões de dólares ano.

Ora tudo somadinho, o iPad 2 pode representar nas receitas da Apple cerca de 7 mil milhões de dólares por trimestre e 28 mil milhões de dólares por ano. 🙂

E na margem operacional?
A Apple tem nos seus produtos cerca de 30% de margem operacional e não há motivos para alterar este pressuposto no iPad 2. Assim, o iPad 2 pode ter um impacto de 2 mil milhões de dólares por trimestre e 8 mil milhões de dólares por ano.

Para além do iPad 2, a Apple renovou recentemente a linha de MacBook e prepara o lançamento do iPhone 5 (que deverá ocorrer até ao Verão), o iTunes, App Store e iBookStore mantêm crescimentos de vendas assinaláveis (como referiu Steve Jobs na apresentação do iPad2), são garantias de crescimento sustentado nas receitas e lucros ao longo deste ano.

Levando o disfarçe de analista até ao fim, fica a recomendação de “forte compra” de acções da Apple 🙂

Relacionados:
Apple: A revolução iPad [Infográfico]

Apple:Novamente com resultados histórios…

Tagged with: