Snapchat reposiciona-se na área dos pagamentos?

  • Ao que tudo indicia, a Snapchat prepara-se para expandir a sua oferta na área dos pagamentos.
  • Evan Spiegel, CEO da Snapchat, considera a WeChat um modelo de sucesso e poderá estar a seguir os passos da App chinesa.

Ao que tudo indica, a Snapchat tenciona expandir a sua oferta na área dos pagamentos, potencialmente focada no comércio. Evan Spiegel, CEO da Snapchat, já admitiu ser um admirador da WeChat, pelo que a empresa pode vir a replicar determinadas funcionalidades da App chinesa.

Tal mostra que a inovação em serviços deste tipo já não é uma “exclusividade” de Silicon Valley: em alguns casos, as empresas asiáticas estão a ser mais rápidas e inovadoras do que as empresas norte-americanas.

A WeChat conta com 800 milhões de utilizadores (entre 100 a 150 milhões fora da China) e a sua oferta na área dos pagamentos e transferências é vasta:  através da App é possível efetuar transferências entre utilizadores; carregar o telemóvel ou a “wallet”,  liquidar a fatura de eletricidade, água, gás e multas; e efetuar pagamentos em loja.

wechat_metodos_de_pagamento

A Snapchat (166 milhões de utilizadores) poderá vir a disponibilizar funcionalidades semelhantes, permitindo aos utilizadores efetuar pagamentos mobile em loja. Será que irá fazê-lo utilizando QR codes, que, para já, permitem adicionar novos amigos e servem de ferramenta de promoção dos websites das marcas?

Neste momento, a Snapchat já oferece o Snapcash, um serviço (só disponível nos Estados Unidos), lançado em parceria com a FinTech Square, que permite transferências entre utilizadores, de forma tão simples como enviar uma mensagem.

Através da funcionalidade “Discover”, é possível que a Snapchat venha também a oferecer às marcas funções mais sofisticadas para comunicarem com os seus fãs e clientes, integrando, por exemplo, e-commerce.

Tagged with: