Voltar ao topo

CardioID: “ler” o corpo através da atividade cardíaca

  • A CardioID, uma startup portuguesa, desenvolveu um sistema inovador que permite, por um lado, a identificação biométrica e, por outro, a análise do estado físico e mental, tudo isto através de um eletrocardiograma.
  • A solução da CardioID pode ser integrada em volantes de automóveis, bicicletas, em smartphones, teclados ou até comandos de videojogos.

Subscreva o nosso podcast em:
Apple Podcasts | Spotify | Google Podcasts | TuneIn

Depois das impressões digitais e do reconhecimento facial, porque não o batimento cardíaco? A CardioID, uma startup portuguesa, desenvolveu um sistema inovador que permite, por um lado, a identificação biométrica e, por outro, a análise do estado físico e mental, tudo isto através de um eletrocardiograma.

A solução da CardioID funciona como um add-on, constituído por sensores, que podem ser integrados em volantes de automóveis, bicicletas, em smartphones, teclados ou até comandos de videojogos. Os sensores captam dados biométricos que permitem a análise da atividade cardíaca, em tempo real, através do simples contacto das mãos com os objetos.

Gallery slideGallery slideGallery slideGallery slide

Além de permitir identificar uma insuficiência cardíaca, por exemplo, é possível também personalizar a experiência do utilizador, uma vez que é possível identificar estados emocionais.

Com base nesta solução tecnológica, a startup desenvolveu um produto: o Cardiowheel, um sistema de assistência à condução na estrada que regista a atividade cardíaca, através do contacto com o volante, para detetar sonolência, problemas de saúde cardíaca e fazer o reconhecimento da identidade biométrica.

Os dados são apresentados num dashboard que permite monitorizar frotas de automóveis e enviar alertas, de imediato, quando o condutor apresenta sinais de fadiga ou stress.

Nascida de um projeto de doutoramento no Instituto Superior Técnico, a CardioID foi fundada em 2014, por André Lourenço, Carlos Carreiras e Ana Priscila Alves.

Até ao momento, a startup captou um investimento de 225 mil euros.


Se a transformação na indústria de saúde é importante para a sua empresa, contacte a FABERNOVEL:

 

Author avatar
FABERNOVEL
A FABERNOVEL é um novo tipo de empresa que promove a inovação e o human-centered design na era digital, para ajudar as grandes empresas a desenvolverem o seu negócio à velocidade de uma startup.

Comentar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

We use cookies to give you the best experience.