As realidades virtual e aumentada já chegaram

  • Depois dos telemóveis e smartphones terem alterado a forma como comunicamos e nos relacionamos, a realidade virtual e realidade aumentada preparam-se para entrar no nosso dia-a-dia e voltar, a provocar uma nova revolução.
  • A forma como vemos televisão, filmes, séries, espetáculos, jogos de futebol, compramos (produtos, serviços e conteúdos), aprendemos, “viajamos”, etc. será radicalmente diferente com a massificação destas tecnologias.

 

nuno

Artigo de Nuno RibeiroPortugal Country Manager da FABERNOVEL

 

Já existem no mercado vários óculos que permitem ter uma experiência de realidade virtual e aumentada. A indústria dos videojogos é a que mais rapidamente está a adotar a realidade virtual e a realidade aumentada, mas estas serão adotadas por várias indústrias.

Já está muito claro que a forma como vemos televisão, filmes, séries, espetáculos, jogos de futebol, compramos (produtos, serviços e conteúdos), aprendemos, “viajamos”, etc. será radicalmente diferente com a massificação da realidade virtual e realidade aumentada.

O fenómeno do Pokemon GO mostrou o impacto que se gerou com a realidade aumentada através do smartphone.

A Microsoft já apresentou o HoloLens que permite em simultâneo realidade virtual e realidade aumentada que, em breve, chegará ao mercado.

hololens

Já se imaginou a assistir a um concerto ao vivo no palco, ao lado da banda, ou um jogo de futebol dentro do campo? São exemplos de experiências que já estão a acontecer, mas que em breve serão o nosso dia-a-dia. E se pensava que não será tão interessante porque os seus amigos não estão lá e não poderão vibrar em conjunto está enganado, não só estaremos lá todos como poderemos comunicar como se estivéssemos lado a lado, mas fisicamente distantes. Impossível? Confuso?

Foi isso que Mark Zuckerberg apresentou recentemente através dos Oculus do Facebook. Vale a pena ver o video na íntegra para perceber como será uma experiência de realidade virtual social.

 

Outro exemplo, interessante é ja fusão do entretenimento físico com o virtual. Se gosta de emoções fortes, esta montanha russa real ganha uma nova vida com monstros virtuais que vão colocar os níveis de adrenalina no máximo!

Com estes exemplos, julgo que já está claro o que nos reserva o futuro do entretenimento, comunicação, ensino, viagens e desenvolvimento de várias indústrias.

Bem-vindo à realidade virtual e aumentada!

 

Nota: Artigo publicado na revista Visão

Tagged with: