BMW: dos automóveis para as bicicletas elétricas

  • A BMW está a entrar no mercado de bicicletas elétricas.
  • O fabricante de automóveis está a adaptar a oferta às novas utilizações do espaço urbano.

A BMW está a fazer uma grande aposta na mobilidade elétrica e planeia lançar 12 automóveis totalmente elétricos em 2025. Mas para além de carros, a empresa está a preparar-se também para desenvolver  bicicletas elétricas, adaptando a sua oferta às novas utilizações do espaço urbano.

A BMW tem como vantagem poder aplicar o know-how e a tecnologia que utiliza nos seus automóveis às bicicletas. A empresa já lançou coleções como a BMW Cruise e acaba de lançar as novas bicicletas elétricas BMW Active Hybrid (têm uma autonomia de cerca de 100 quilómetros, incluem entrada USB e Bluetooth) que estão sob alçada da eDrive, a mesma marca que abrange os automóveis elétricos da empresa.

Os fabricantes automóveis entenderam a transformação do negócio da mobilidade e prepararam esta transição, transformando-se em prestadores de serviços de mobilidade.

A entrada na indústria de bicicletas elétricas tem sido uma tendência seguida por diferentes fabricantes automóveis, como é o caso da Audi, a Ford e Volkswagen. Estas bicicletas elétricas podem, eventualmente, vir a fazer parte de serviços de bike-sharing  destes fabricantes ou de transporte de bens em serviços de entregas, por exemplo.

No ano passado, a BMW apresentou a sua visão sobre o futuro da mobilidade sob o motto “The Next 100 Years”: