Adidas lança Speedfactories, as fábricas mais perto do cliente

  • A Adidas está a criar uma rede de mini-fábricas para chegar mais rápido ao cliente apostando na inovação aberta.
  • Através das Speedfactories, a empresa está a tornar-se uma marca fast-fashion, capaz de produzir on-demand.

 

A Adidas está a criar uma rede de fábricas automatizadas que lhe permite encurtar o ciclo de desenvolvimento, produção e distribuição de produtos de meses para alguns dias. As Speedfactories (para já só na Alemanha e nos EUA) permitem uma maior personalização, o aumento do portfólio de produtos e uma rapidez de entrega (maior proximidade das fábricas aos clientes).

A impressão 3D é o segredo da concretização destas mini-fábricas, dando à Adidas uma nova dinâmica de produção, com a possibilidade de fabricar pequenas quantidades e com elevada rapidez. O resultado? Uma personalização que vai ao encontro da procura, optimiza a gestão de inventário e reduz, significativamente, o risco de acabar com um produto que já não é relevante.

Com as Speedfactories, a Adidas torna-se mais competitiva e assertiva, conseguindo acompanhar tendências e produzir à medida da procura, abrindo mercado com um novo conceito: fast-fashion on-demand.

Outras das grandes vantagens é que as Speedfactories são também uma forma de manter a produção in-house e “esconder” os novos designs da concorrência. Para além disso, a Adidas planeia ganhar vantagem competitiva através dos dados: está a testar a integração de chips em alguns produtos para saber mais sobre a utilização dos ténis (dados comportamentais) e sobre as necessidades dos clientes.

Através de dados recolhidos no terreno pela equipa de designers, que ouviu diretamente os clientes, a Adidas desenvolveu diferentes ténis de corrida adaptados às necessidades em diferentes cidades. 

 

Aposta na co-inovação 

A Speedfactory é uma aposta clara na inovação aberta (Open Innovation) com a criação de parcerias para inovar. A empresa investe na partilha de ideias e, quando necessário, na colaboração com empresas em áreas em que não é especialista.

Estas fábricas foram construídas em parceria com a Oechsler Motion, empresa alemã dedicada à engenharia mecânica e industrial. E a parceria com a Carbon (empresa pioneira numa nova tecnologia de produção em 3D, através de resina) foi uma peça-chave para oferecer uma customização em massa de produtos e acelerar a produção.

Os ténis de corrida Futurecraft 4D são fruto da parceria com a Carbon, que abriu possibilidades, sem precedentes, na conceção de produtos: 

 


As novas tecnologias que estão a transformar a indústria do retalho são importantes para a sua empresa? Contacte a FABERNOVEL INNOVATE: