DESTAQUES GAFANOMICS® [09/ABR/2018]

06-PATRICIA-CIRCULAR

Por Patrícia Silva, Gestora de Comunicação e Marketing na FABERNOVEL INNOVATE Lisboa

“Destaques GAFAnomics®” é uma compilação dos artigos mais importantes partilhados internamente pela equipa da FABERNOVEL

 

Google compra plataforma de GIFs

A Google comprou a Tenor, uma plataforma de GIFs com 300 milhões de utilizadores ativos por mês, que fazem 12 mil milhões de pesquisas por mês.

Para além de integrar a biblioteca de GIFs da Tenor nos seus serviços, a Google passa a deter uma plataforma que está integrada em vários serviços de messaging e media sociais. O bot da Tenor é o mais utilizado no FB Messenger.

Outro área também importante é a integração de publicidade. A Tenor tem desenvolvido o seu negócio de publicidade e planeia lançar um novo produto, com GIFs de marcas, baseado em sentimentos (alegria, tristeza…). A empresa criou uma funcionalidade que permite monitorizar este tipo de pesquisas.

Os anunciantes pagam entre 100 a 500 mil dólares por um GIF patrocinado na Tenor e estima-se que a partilha de GIFs no mobile pode gerar uma receita anual em publicidade de entre mil milhões a 2 mil milhões de dólares dentro de 2/3 anos.

Apple desafia YouTube

Apple Music

A Apple criou uma secção especial para vídeos no seu serviço de streaming de música, Apple Music. O serviço só está acessível a subscritores pagos, o que pode servir como argumento para levar mais utilizadores a pagar pelo serviço.

A Apple está a tentar posicionar-se como um serviço premium e sem publicidade para ver vídeos de música, com uma melhor experiência de utilização do que o YouTube. Ao que tudo indica, a empresa está a planear a inclusão de conteúdos de vídeo originais.

A Apple está a tornar a Apple Music cada vez mais social, criando um “círculo” mais intimista permitindo seguir amigos e ser seguido.

Spotify entra em bolsa

Spotify bolsa
Créditos imagem: REUTERS/Lucas Jackson

O Spotify entrou em bolsa de uma forma pouco convencional (acionistas transacionaram diretamente as suas ações no mercado aberto) e superou as expectativas. Na última terça-feira, as ações do serviço de streaming abriram com um valor de 165,90 dólares e fecharam nos 149 dólares, o que resultou numa capitalização bolsista de 26,6 mil milhões de dólares.

A forma como o Spotify entrou em bolsa mostra que acredita no valor futuro da sua plataforma, mas tem agora pela frente o enorme desafio de assegurar um forte crescimento.

Apesar de captar uma receita de 5 mil milhões de dólares, o Spotify paga mais de três quartos em royalties às editoras, produtores, compositores e artistas. O sucesso da empresa vai depender da sua capacidade de aumentar a margem de lucro em relação a estes players e encontrar novas formas de rentabilizar a plataforma. Será que vai criar uma editora?

Alibaba acelera desenvolvimento de carros conectados

aliOS Alibaba

A Alibaba criou uma nova parceria com um fabricante de chips holandês para acelerar a integração do seu sistema operativo AliOS em milhões de novos automóveis. Esta parceria é uma ajuda para cumprir o objetivo da Alibaba de conectar 10 mil milhões de objetos à Internet em 2023.

Ásia & Oceânia é apontado como o mercado de automóveis conectados que crescerá mais rápido em todo o mundo e a Alibaba quer posicionar-se como um player relevante.

A empresa está a reservar o seu lugar dentro do automóvel do futuro (autoguiado), o que lhe permitirá impulsionar o seu core business. A Alibaba está bem posicionada para lançar um marketplace in-car que permita aos passageiros comprar produtos de terceiros, como restaurantes ou retalhistas.


GAFAnomics® [ga-fɑː-nom-iks], substantivo: Novo modelo económico em rede, inspirado pelos GAFA – Google, Apple, Facebook e Amazon – que integra Unicórnios (startups com valorização acima de mil milhões de dólares), gigantes chineses de tecnologia e todas as empresas que mudam as nossas vidas através da tecnologia e inovação.

Outros acrónimos de empresas que seguem estratégias GAFAnomics®:
NATU – Netflix, AirBnB, Tesla e UBER
DUMITA – Baidu, Xiaomi, Tencent e Alibaba (os GAFA chineses).

Durma descansado, os GAFA estão a trabalhar… possivelmente para transformar (disromper) a sua indústria.

ESTUDOS GAFAnomics®:

TESLA: Uploading the Future
GAFAnomics: Nova Economia, Novas Regras
GAFAnomics: 4 super poderes, na NetworkEconomy
UBER: O vírus dos transportes
Amazon: O império escondido
Facebook: A startup perfeita
LinkedIn:  A rede séria

Que tornar a sua empresa numa empresa GAFAnomics® ?
Contacte a FABERNOVEL INNOVATE:

Tagged with: