DESTAQUES GAFANOMICS® [30/ABR/2018]

06-PATRICIA-CIRCULAR

Por Patrícia Silva, Gestora de Comunicação e Marketing na FABERNOVEL INNOVATE Lisboa

“Destaques GAFAnomics®” é uma compilação dos artigos mais importantes partilhados internamente pela equipa da FABERNOVEL.

Amazon quer Alexa em mais automóveis e robôs

Amazon robot

A Amazon continua a sua estratégia “Alexa Everywhere”: quer expandir a presença da sua assistente virtual a mais automóveis e está a desenvolver novas tecnologias e plataformas, com a Alexa integrada, para conquistar mais tempo de utilização dos seus serviços na casa conectada.

A empresa está a testar a integração de colunas Amazon Echo em automóveis na Índia e planeia expandir esta integração a nível mundial, podendo vir a substituir sistemas de infotainment.

Para além dos automóveis, quer também liderar nas casas conectadas e está a desenvolver robôs domésticos, equipados com câmaras e visão computacional, que terão a assistente virtual Alexa integrada. Estes robôs vão ser uma espécie de “Alexa ambulante” que acompanham os utilizadores pela casa, em divisões onde não exista a coluna inteligente Amazon Echo.

Google avalia compra da Nokia Health

Produtos Nokia Health

A Nest, empresa de dispositivos conectados (termóstatos inteligentes, detetores de fumo…) da Google, está a avaliar a compra da Nokia Health. Ao que tudo indica, outras duas empresas francesas e a Samsung também estão interessadas nesta aquisição.

A Nest está a passar por uma fusão com a divisão de hardware da Google, de forma a tornar-se mais competitiva em relação à Amazon e à Apple. A eventual aquisição da Nokia Health seria um grande passo para a Google, que nunca fabricou produtos ligados à saúde.

A divisão Nokia Health foi criada pela Nokia, após a aquisição da empresa francesa Withings (em 2016), e tem no seu portfólio diversos objetos conectados como balanças, termómetros e câmaras inteligentes.

Facebook continua crescimento global

Mark Zuckerberg
Créditos: David Ramos / Getty

O Facebook excedeu as expectativas nos resultados do primeiro trimestre do ano. A sua métrica mais importante é um indicador de que continua na rota de crescimento global com mais de 1,45 mil milhões de utilizadores ativos por dia.

A empresa teve um lucro de 1,69 dólares por ação e uma receita de 12 mil milhões de dólares (um crescimento de 49% em relação ao primeiro trimestre do ano passado). Os resultados destacam a expansão do Facebook no mobile, que é responsável por 91% das receitas de publicidade.

Spotify quer impulsionar rentabilização dos utilizadores

Spotify versão gratuita

O Spotify está a fazer updates à versão gratuita da sua app, integrando algumas das funcionalidades da versão paga.

Com as atualizações, o serviço de streaming de música pode melhorar a experiência da versão com publicidade e recolher dados granulares sobre os utilizadores que podem atrair mais anunciantes, graças à possibilidade de criar campanhas mais segmentadas.

Dos 157 milhões de utilizadores do Spotify, 45% são subscritores pagos, que representam 90% da receita total da empresa. Isto significa que o serviço ainda tem margem para captar receitas de mais de metade dos seus utilizadores.


GAFAnomics® [ga-fɑː-nom-iks], substantivo: Novo modelo económico em rede, inspirado pelos GAFA – Google, Apple, Facebook e Amazon – que integra Unicórnios (startups com valorização acima de mil milhões de dólares), gigantes chineses de tecnologia e todas as empresas que mudam as nossas vidas através da tecnologia e inovação.

Outros acrónimos de empresas que seguem estratégias GAFAnomics®:
NATU – Netflix, AirBnB, Tesla e UBER
DUMITA – Baidu, Xiaomi, Tencent e Alibaba (os GAFA chineses).

Durma descansado, os GAFA estão a trabalhar… possivelmente para transformar (disromper) a sua indústria.

ESTUDOS GAFAnomics®:

TESLA: Uploading the Future
GAFAnomics: Nova Economia, Novas Regras
GAFAnomics: 4 super poderes, na NetworkEconomy
UBER: O vírus dos transportes
Amazon: O império escondido
Facebook: A startup perfeita
LinkedIn:  A rede séria

Que tornar a sua empresa numa empresa GAFAnomics® ?
Contacte a FABERNOVEL INNOVATE:

”]

 

Tagged with: