Voltar ao topo

PLAYMOBIL: Lança loja da Apple (é mentira :-) )

A Playmobil aproveitou o sucesso da Apple e das suas lojas e lançou a Loja Apple que inclui Steve Jobs.
Muitas crianças são já fãs dos produtos Apple (sobretudo o iPad e iPhone), por isso, a este produto será um sucesso garantido.

A mini réplica da loja Apple inclui:

  • O jogo interativo que ensina importantes habilidades de interação social
  • Loja completa com figuras e mais de 60 acessórios
  • Encaixe para iPhone 4 para ecrã de projeção de Steve Jobs no Keynote Theater (permitindo assim simular as espectaculares apresentações do fundador da Apple)
  • Piso térreo da loja da Apple oferece mesas de demonstração de produtos, prateleiras de software e espaço para crianças
  • Piso superior inclui o Genius Bar e Keynote Theater com a figura de Steve Jobs
  • E claro, não podia falta o opcional: Fila para lançamento de novos produtos Apple (para garantir histórias reais)

This slideshow requires JavaScript.

Este produto é o primeiro da Playmobil pensado e desenhado e pensado pela equipa da loja online – ThinkGeek
Veja o video da equipa criativa da Think Geek a apresentar a Playmobil Apple Store:

O preço é de 179,99 dólares e caso pretenda o opcional “Fila de lançamento de produtos” terá de somar mais 49,99 dólares

Este produto está à venda em exclusivo no site Think Geek – Clique aqui para comprar

Nota: Esta foi uma partida do dia das mentiras da equipa do Think Geek e eu fui um dos que me entusiasmei. Cliquei para comprar e a mensagem foi a que podem ver abaixo.
Mas como considerei uma excelente ideia, aproveitei para a divulgar também. Quem sabe se a Playmobil e a Apple não a tornam realidade 🙂

Author avatar
Nuno Ribeiro
Country Manager da agência de inovação FABERNOVEL. Autor do livro Gerir na Era Digital (2011). Licenciado em Economia pela Universidade Católica de Lisboa, onde também concluiu um curso avançado de Gestão de Empresas Tecnológicas e uma pós-graduação em Gestão de Media e Entretenimento. Diretor a unidade Negócio Multimédia do grupo Controlinveste (2008 a 2012). Diretor da unidade de negócios de Internet do grupo Cofina Media (1999 a 2008). Consultor do secretário de Estado da Comunicação Social para a área digital (1997 a 2002).
We use cookies to give you the best experience.