RIM: A amora negra em queda…

A empresa Research In Motion (RIM), fabricante dos telemóveis BlackBerry e também do recente tablet PlayBook continua a perder quota de mercado
nos Estados Unidos (principal mercado deste fabricante). No primeiro trimestre deste ano, a quota de mercado da RIM ficou pouco acima dos 10%.
O mercado reagiu a esta informação e as acções da RIM fecharam a sessão de sexta-feira a cair 20,74%, foi por isso, uma sexta-feira negra para o fabricante das  “Amoras Negras” (BlackBerry).

Os principais responsáveis por esta queda são: Apple e Google. Os operadores de telecomunicações móveis americanos estão a apostar mais nos equipamentos com os sistemas operativos iOS (iPhone) e Android.

chart of the day, blackberry market share, june 2011

Here is an eye-popping chart from Needham analyst Charlie Wolf, via Fortune. You can see RIM’s share of the U.S. market collapse right around the time Verizon decides to throw its weight behind Android.

As RIM’s marketshare in the U.S. collapsed, so did its average selling price per phone. Sure, RIM is proud of its expansion into other markets, but they’re not as valuable to RIM.

Fonte: Business Insider

Author avatar
Nuno Ribeiro
Portugal General Manager da agência de inovação FABERNOVEL. Foi diretor da unidade de negócio multimédia do grupo Global Media (2008 a 2012), diretor da unidade de negócios de Internet do grupo Cofina Media (1999 a 2008) e consultor do secretário de Estado da Comunicação Social para a área digital (1997 a 2002). Em paralelo com a atividade profissional foi docente, coordenador de programas executivos e pós-graduações nas Universidades: Católica-Lisbon, Europeia, ISEG e Lusófona (2001 a 2016). Colaborou com artigos de opinião e comentador, sobre temas de inovação, transformação digital e nova economia nos media: Visão, Diário de Notícias, Meios & Publicidade e Económico TV. 
Autor do livro Gerir na Era Digital (2011). É licenciado em Economia pela Católica-Lisbon, onde também concluiu o curso avançado Gestão de empresas tecnológicas e uma pós-graduação em Media e Entretenimento.
We use cookies to give you the best experience.