Scroll to top

Google nos camiões autoguiados

  • Waymo (detida pela Google) está a testar a sua tecnologia para condução autónoma em camiões.
  • O mercado dos camiões autoguiados pode representar uma grande oportunidade para gerar receitas a curto prazo.

A Waymo, empresa da Google dedicada ao desenvolvimento de veículos autoguiados, está a testar a sua tecnologia em camiões. Ao contrário da Tesla, que planeia construir os seus próprios camiões, a Waymo deverá ter uma abordagem diferente, virada para integração de sensores, câmaras e de software, estando já a recolher e a analisar dados para melhorar os seus sistemas de condução autónoma.

Porquê os camiões autónomos? Esta indústria poderá representar uma grande oportunidade de rentabilização da tecnologia da Waymo, a curto prazo, uma vez que pode ajudar a ultrapassar diferentes barreiras que hoje afetam este mercado, tais como o défice de motoristas, as limitações impostas pela condição humana relativas ao número de horas que é possível estar em viagem e os acidentes.

Embora os camiões se desloquem, para já, num registo semi-autónomo, permitem aos motoristas percorrer grandes distâncias em auto-estrada, por exemplo, sem intervenção humana. O que pode diminuir a probabilidade de ocorrerem erros, que muitas vezes dão origem a acidentes, aumentar a rapidez de distribuição e diminuir custos.

A Waymo poderá ganhar vantagem competitiva ao posicionar-se precocemente. A empresa desenvolveu uma das tecnologias mais avançadas para veículos autoguiados, pelo que se for capaz de aplicá-la na construção de um negócio ligado aos camiões poderá ser a primeira a chegar ao mercado e ganhar uma vantagem que pode ser crucial em relação à concorrência.

Um dos maiores desafios para a Waymo será captar e manter uma quota de mercado dominante, uma vez que enfrenta a concorrência de empresas como a Otto, detida pela Uber, e de fabricantes automóveis como a Tesla, liderada por Elon Musk.

A Otto, por exemplo, tem vindo a testar a sua tecnologia, nos últimos meses, e já a demonstrou em ação:

Depois de ter criado uma parceria com a Lyft (rival da Uber) para integrar a tecnologia da Waymo na frota desta empresa de ridesourcing, mais uma vez, a Google está a movimentar-se no sentido de ‘cercar’ a Uber.

 

Author avatar
FABERNOVEL
A FABERNOVEL é um novo tipo de empresa que promove a inovação e o human-centered design na era digital, para ajudar as grandes empresas a desenvolverem o seu negócio à velocidade de uma startup.
We use cookies to give you the best experience.