DESTAQUES GAFANOMICS® [05/JAN/2018]

Gafanomics-Uber

#ancora1 #ancora2#ancora3

06-PATRICIA-CIRCULAR

Por Patrícia Silva, Gestora de Comunicação e Marketing na FABERNOVEL INNOVATE Lisboa

“Destaques GAFAnomics®” é uma compilação dos artigos mais importantes partilhados internamente pela equipa da FABERNOVEL.

Softbank compra 15% da Uber

Softbank compra 15% da Uber

A Softbank vai investir mais de 7 mil milhões de dólares na Uber, passando a deter 15% da gigante de transportes on-demand. Estes 15% foram adquiridos a accionistas da empresa com um desconto de 30%, valorizando a Uber em 48 mil milhões de dólares (em Março de 2017, a Uber tinha uma valorização de 69 mil milhões de dólares). A SoftBank fará também uma injeção de capital de cerca de 1,25 mil milhões de dólares.

Esta é, antes de mais, uma vitória para a liderança da Uber, que evita perder investimento para a rival Lyft e conquista um voto de confiança significativo, tendo em conta a “turbulência” do ano 2017, marcado por escândalos, ações judiciais e disputas regulamentares.

Além disso, o negócio traduz-se numa perda de poder de Travis Kalanick, fundador e ex-CEO da Uber, no board da empresa. Será que agora o novo CEO, Dara Khosrowshahi, vai ser capaz de convencer que a Uber virou a página da Era Kalanick, enquanto prepara terreno para a possível entrada em bolsa em 2019?

Amazon vai integrar publicidade na Alexa?

Amazon vai integrar publicidade na Alexa?

A Amazon quer transformar a sua coluna inteligente Echo, e a assistente virtual Alexa, numa plataforma de publicidade. Ao que tudo indica, a gigante de e-commerce já está em conversações com empresas de bens de consumo, como a Procter & Gamble e a Clorox, sobre uma possível integração de publicidade.

Juntando a popularidade dos dispositivos de voz da Amazon ao facto de ser, muito provavelmente, a empresa que mais sabe sobre os hábitos de compra online, esta “abertura” da Alexa pode representar uma grande oportunidade para gerar novas receitas.

A gigante pode vir a sugerir produtos de marcas específicas com base no histórico de compras dos utilizadores, mas também as marcas podem vir a pagar à Amazon para que os seus produtos tenham prioridade nas pesquisas por voz.

A Amazon é um império escondido da publicidade digital! O seu negócio de publicidade tem crescido a um ritmo acelerado e é por isso que, hoje, é uma das empresas mais temidas por agências e Media.

Spotify vai entrar em bolsa

Spotify vai entrar em bolsa

Ao que tudo indica, o Spotify submeteu um pedido, no final de dezembro, para entrar em bolsa no primeiro trimestre deste ano. Mas, ao concretizar-se, esta será uma entrada atípica… e pode abrir um precedente na forma como outras empresas tecnológicas entram em bolsa.

Porquê? O Spotify pretende saltar por cima de uma Oferta Pública Inicial (IPO), na qual oferece a investidores a oportunidade de adquirir ações primeiro e é definido um preço inicial. Em vez disso, a gigante de streaming de música pretende fazer uma entrada direta na bolsa de Nova Iorque que permite aos seus atuais accionistas vender diretamente as suas ações no mercado  aberto.

IA da Google diz se as nossas fotos são boas

IA da Google diz se as nossas fotos são boas

O novo sistema de Inteligência Artificial da Google, NIMA, já sabe de que fotografias vamos gostar, antes mesmo de as vermos. Tipicamente, as fotografias são avaliadas como de elevada ou baixa qualidade, mas Google “treinou” o seu software para ser capaz de avaliar com precisão uma fotografia numa escala de 1 a 10, tal como faria um humano.

Ao prever que imagens um utilizador considera boas (tecnicamente) e atrativas (esteticamente), é provável que brevemente o algoritmo venha a pré-selecionar, no nosso álbum no smartphone, as melhores fotografias para postar no Instagram – ou seja, aquelas que tendem a ter mais ‘likes’. Outra possibilidade é que venha a ser dado feedback em tempo real ao utilizador quando este está a captar uma fotografia.


GAFAnomics® [ga-fɑː-nom-iks], substantivo: Novo modelo económico em rede, inspirado pelos GAFA – Google, Apple, Facebook e Amazon – que integra Unicórnios (startups com valorização acima de mil milhões de dólares), gigantes chineses de tecnologia e todas as empresas que mudam as nossas vidas através da tecnologia e inovação.

Outros acrónimos de empresas que seguem estratégias GAFAnomics®:
NATU – Netflix, AirBnB, Tesla e UBER
DUMITA – Baidu, Xiaomi, Tencent e Alibaba (os GAFA chineses).

Durma descansado, os GAFA estão a trabalhar… possivelmente para transformar (disromper) a sua indústria.

ESTUDOS GAFAnomics®:

TESLA: Uploading the Future
GAFAnomics: Nova Economia, Novas Regras
GAFAnomics: 4 super poderes, na NetworkEconomy
UBER: O vírus dos transportes
Amazon: O império escondido
Facebook: A startup perfeita
LinkedIn:  A rede séria

Que tornar a sua empresa numa empresa GAFAnomics® ?
Contacte a FABERNOVEL INNOVATE:

Tagged with: