DESTAQUES GAFANOMICS® [09/JUL/2018]

Gafanomics

06-PATRICIA-CIRCULAR

Por Patrícia Silva, Gestora de Comunicação e Marketing na FABERNOVEL INNOVATE Lisboa

“Destaques GAFAnomics®” é uma compilação dos artigos mais importantes partilhados internamente pela equipa da FABERNOVEL.

Amazon impulsiona produtos de marca própria

Wickedly Prime

A Amazon prepara-se para impulsionar a venda de produtos de marca própria. A empresa já tem 80 marcas e está a começar a alterar a sua estratégia para se tornar mais relevante em categorias mais competitivas.

Depois de atingir a liderança em algumas categorias de nicho, a Amazon está a lançar novas marcas em novas categorias, como a Presto!, concorrente de grandes marcas de papel higiénico e rolos de cozinha como a Bounty e Charmin da Procter & Gamble.

Para a Amazon, o mais importante é a fidelização dos clientes. Ao oferecer preços mais reduzidos através das suas marcas, a empresa garante que oferece produtos exclusivos e económicos, desta forma está a conquistar quota de mercado às grandes marcas.

Cerca de 70% das pesquisas por produtos na Amazon são por termos genéricos e não por marcas…

Tesla atinge objetivo de produção do Model 3

Model 3

A Tesla produziu 7 mil automóveis na última semana de junho, incluindo 5 mil automóveis Model 3. A empresa tentava atingir este objetivo de produção semanal do Model 3 há meses e passou por várias dificuldades (robôs, baterias…).

A Tesla ‘resgatou’ colaboradores da produção do Model S para conseguir evitar parar a produção do Model 3 e construiu uma nova linha de produção, em apenas 2 semanas. Montou uma tenda gigante ao lado da fábrica principal, que foi responsável por 20% da produção dos Model 3 – algo disruptivo numa indústria que demora anos a planear linhas de montagem.

No próximo mês, a Tesla espera elevar a produção semanal para 6 mil automóveis Model 3.

Alphabet investe em startup de bicicletas e trotinetes elétricas

Lime Bikes

A Alphabet, empresa-mãe da Google, e a GV (ex-Google Ventures) investiram na Lime, uma startup de aluguer de bicicletas e trotinetes elétricas on-demand. A Lime captou um investimento de 300 milhões de dólares (atingindo assim uma valorização de 1,1 mil milhões de dólares) e uma grande fatia deste montante foi investido pela Google.

A Lime tem apresentado um rápido crescimento, está em 50 mercados nos EUA e prepara uma expansão internacional para Toronto e Paris, o que lhe tem permitido recolher dados relevantes.

Este investimento está em linha com a visão da Google para o futuro da mobilidade. Para além da Waymo, a sua subsidiária de automóveis autoguiados, a Google planeia criar cidades do futuro, através da subsidiária SideWalk Labs, onde a mobilidade será uma peça-chave. O primeiro projeto está prestes a arrancar em Toronto.

Facebook integra equipa da Bloomsbury AI

Zuckerberg Facebook

O Facebook vai integrar a equipa da Bloomsbury AI. A startup britânica é especialista em tecnologia de processamento de linguagem natural: desenvolve ferramentas de interpretação de texto através de inteligência artificial, para dar resposta a questões sobre os conteúdos que analisa.

A equipa da Bloomsbury pode ajudar o Facebook a atenuar a divulgação de conteúdos falsos e a disseminação de outros conteúdos de caráter violento ou discriminatório.

Além disso, o Facebook passa a integrar um grupo de especialistas com know-how para desenvolver (ou melhorar) produtos/serviços. O processamento de linguagem natural é uma tecnologia chave num futuro centrado nas interações por voz, com assistentes virtuais, e nos bots de conversação.

 


GAFAnomics® [ga-fɑː-nom-iks], substantivo: Novo modelo económico em rede, inspirado pelos GAFA – Google, Apple, Facebook e Amazon – que integra Unicórnios (startups com valorização acima de mil milhões de dólares), gigantes chineses de tecnologia e todas as empresas que mudam as nossas vidas através da tecnologia e inovação.

Outros acrónimos de empresas que seguem estratégias GAFAnomics®:
NATU – Netflix, AirBnB, Tesla e UBER
DUMITA – Baidu, Xiaomi, Tencent e Alibaba (os GAFA chineses).

Durma descansado, os GAFA estão a trabalhar… possivelmente para transformar (disromper) a sua indústria.

ESTUDOS GAFAnomics®:

TESLA: Uploading the Future
GAFAnomics: Nova Economia, Novas Regras
GAFAnomics: 4 super poderes, na NetworkEconomy
UBER: O vírus dos transportes
Amazon: O império escondido
Facebook: A startup perfeita
LinkedIn:  A rede séria

Que tornar a sua empresa numa empresa GAFAnomics® ?
Contacte a FABERNOVEL INNOVATE:

”]

Tagged with: