Elon Musk vai lançar dispositivo para ligar cérebro a computadores

06-PATRICIA-CIRCULAR

Por Patrícia Silva, Gestora de Comunicação e Marketing na FABERNOVEL INNOVATE Lisboa

“Destaques GAFAnomics®” é uma compilação dos artigos mais importantes partilhados internamente pela equipa da FABERNOVEL.

Elon Musk vai lançar dispositivo para ligar cérebro a computadores

A Neuralink, empresa de neurotecnologia de Elon Musk, planeia lançar, brevemente, um dispositivo que liga o cérebro a computadores. A nova tecnologia pretende aumentar a transmissão de dados entre cérebro e máquinas, para permitir aos humanos tornarem-se mais “competitivos” em relação à Inteligência Artificial.

No futuro, é possível que esta tecnologia possibilite a criação de uma cópia do cérebro que poderá permanecer, após a morte. “Se o biológico morrer, pode-se fazer upload para uma nova unidade (robô). Literamente”, explicou Elon Musk.

Musk falou sobre os planos da Neuralink e sobre Inteligência Artificial no podcast do humorista e apresentador Joe Rogan.

Apple apresenta novos iPhones e Apple Watch

A Apple apresentou 3 novos iPhones (Xs/ Xs Max/ Xr) no seu evento anual. A variedade de modelos mostra como é que a empresa está a ajustar a sua estratégia. A Apple está a aumentar, progressivamente, o preço médio do iPhone e, ao mesmo tempo, a aumentar a base de dispositivos ativos para impulsionar o negócio de serviços (Apple Music, Apple Pay, App Store, iCloud…), que tem como objetivo atingir os 50 mil milhões de dólares em 2021.

A empresa apresentou também um novo Apple Watch (Series 4). O relógio permite fazer electrocardiogramas, em 30 segundos, (integra eléctrodos), armazena os dados em PDF na app Apple Health e permite partilhá-los com o médico.

A Apple está a transformar o Apple Watch num dispositivo incontornável na área da saúde e o facto de oferecer uma experiência profundamente integrada entre Apple Watch e iPhone pode potenciar a “conversão” de mais utilizadores ao iPhone e ao seu ecossistema.

Amazon Business está perto dos 10mM de dólares

O Amazon Business, o marketplace B2B da Amazon, está perto de atingir um volume de vendas de 10 mil milhões de dólares, a nível global, anualmente. Um crescimento impressionante, visto que a plataforma foi lançada em 2015 e em 2016 tinha um volume de vendas de 1 milhão de dólares.

A expansão internacional do serviço (hoje, em 8 países) deverá continuar a impulsionar o seu crescimento. A este ritmo, é possível que venha a gerar uma receita equivalente à do negócio cloud Amazon Web Services ou da publicidade digital, que tem vindo a crescer a um ritmo acelerado.

A Amazon está num bom caminho para conquistar uma maior quota de mercado no e-commerce B2B, que deverá atingir os 1,2 biliões de dólares em 2021.

Alibaba à conquista da Rússia

A Alibaba está a duplicar a sua aposta na Rússia através de parcerias com algumas das maiores empresas de Internet do país. A empresa vai lançar a plataforma de e-commerce AliExpress em parceria com a Mail.ru (empresa com serviços de email e social media), com a operadora de telecomunicações MegaFon e com o Fundo de Investimento Direto da Rússia (FID).

O objetivo é tornar o AliExpress uma one-stop-shop de vários serviços na Rússia, incluindo comunicações, medias sociais, e-commerce e jogos. A AliExpress Rússia será detida em 48% pela Alibaba, 24% pela MegaFon, 15% pela Mail.ru e 13% pelo FID.

O negócio pode fazer da Alibaba o líder no e-commerce na Rússia. A penetração do e-commerce no país é de cerca de 3%, o que oferece uma grande margem de crescimento. O AliExpress Rússia pode beneficiar do cruzamento entre os 600 milhões de vendedores da Alibaba à base de milhões de utilizadores dos serviços fornecidos pelos seus parceiros.


GAFAnomics® [ga-fɑː-nom-iks], substantivo: Novo modelo económico em rede, inspirado pelos GAFA – Google, Apple, Facebook e Amazon – que integra Unicórnios (startups com valorização acima de mil milhões de dólares), gigantes chineses de tecnologia e todas as empresas que mudam as nossas vidas através da tecnologia e inovação.

Outros acrónimos de empresas que seguem estratégias GAFAnomics®:
NATU – Netflix, AirBnB, Tesla e UBER
DUMITA – Baidu, Xiaomi, Tencent e Alibaba (os GAFA chineses).

Durma descansado, os GAFA estão a trabalhar… possivelmente para transformar (disromper) a sua indústria.

ESTUDOS GAFAnomics®:

TESLA: Uploading the Future
GAFAnomics: Nova Economia, Novas Regras
GAFAnomics: 4 super poderes, na NetworkEconomy
UBER: O vírus dos transportes
Amazon: O império escondido
Facebook: A startup perfeita
LinkedIn:  A rede séria

Que tornar a sua empresa numa empresa GAFAnomics® ?
Contacte a FABERNOVEL INNOVATE:

Tagged with: