Google lança plataforma de compras em vídeo

Por Nuno Ribeiro, General Manager na FABERNOVEL Portugal

Subscreva o nosso podcast em:
Apple Podcasts | Spotify | Google Podcasts | TuneIn

Google lança plataforma de compras em vídeo

A Google lançou no mercado norte-americano a Shoploop, uma aplicação de vídeo que cruza entretenimento e venda de produtos de beleza.

Para já, a plataforma ainda não integra pagamentos, a compra é feita no site do retalhista.

Os vídeos são produzidos por editores de conteúdos, media e empresas de cosmética e, tal como no Instagram, os utilizadores da aplicação podem seguir os influencers e empresas e partilhar vídeos.

Este é mais um projeto que nasceu na Area 120, uma incubadora de projetos de inovação da Google.

Facebook vai desenvolver óculos inteligentes

O Facebook anunciou um novo projeto de investigação, batizado de Aria, que tem como objetivo o desenvolvimento de óculos de realidade aumentada.

Estes óculos adicionam uma “camada” virtual com informações relevantes sobre o que está ao nosso redor, como orientações de direção quando se circula numa cidade, por exemplo, ou a tradução automática para a nossa língua de informações em outdoors, placards informativos e outras informações úteis.

O Facebook já disponibilizou óculos de teste a alguns dos seus colaboradores para poder melhorar a privacidade, gravação de vídeo e também o design.

 

Durante o evento Facebook Connect, Mark Zuckerberg anunciou também o lançamento de outros óculos inteligentes, já em 2021, em parceria com a Ray-ban.

Amazon lança marketplace de luxo

Trata-se de mais um investimento no retalho de luxo, a Amazon lançou a Luxury Stores, um marketplace de produtos de luxo que, para já, está exclusivamente acessível através da aplicação e apenas para alguns clientes do Amazon Prime.

As marcas de luxo vão poder gerir diretamente as suas lojas na Amazon, personalizá-las com a sua imagem e definir o catálogo de produtos.

A marca Oscar de la Renta é a primeira marca que já foi anunciada pela Amazon como parceira da Amazon Luxury Stores.

Este é um movimento estratégico semelhante ao da Alibaba, na China, que lançou o Luxury Pavilion, dentro do marketplace Tmall, que, atualmente, agrega mais de 180 marcas, incluindo Chanel, Valentino, e Burberry.

Tesla planeia fabricar carro de 25 mil dólares

A Tesla planeia fabricar um carro elétrico e autoguiado de 25 mil dólares, em 2023. O anúncio foi feito por Elon Musk durante o evento Tesla Battery Day, no qual a empresa apresentou as mais recentes melhorias ao nível das baterias.

O lançamento deste modelo será possível pela descida do custo das baterias e optimização do design.

Durante o evento, a Tesla anunciou também uma nova versão do Model S, o Model S Plaid, que terá uma autonomia de 830 km e atingirá uma velocidade máxima de 320 km/h. As reservas já podem ser feitas no site da Tesla, mas as entregas só serão feitas em 2021.


GAFAnomics® [ga-fɑː-nom-iks], substantivo: Novo modelo económico em rede, inspirado pelos GAFA – Google, Apple, Facebook e Amazon – que integra Unicórnios (startups com valorização acima de mil milhões de dólares), gigantes chineses de tecnologia e todas as empresas que mudam as nossas vidas através da tecnologia e inovação.

Outros acrónimos de empresas que seguem estratégias GAFAnomics®:
NATU – Netflix, AirBnB, Tesla e UBER
BATX – Baidu, Alibaba, Tencent e Xiaomi (os GAFA chineses).

Durma descansado, os GAFA estão a trabalhar… possivelmente para transformar (disromper) a sua indústria.

ESTUDOS GAFAnomics®:

Tesla Volume 2: Is Tesla the disruptor we need?
The We Company: is real estate a disruptable industry?
Slack, the future workplace
WeChat: The shape of the connected China
TESLA: Uploading the Future

GAFAnomics: Nova Economia, Novas Regras
GAFAnomics: 4 super poderes, na Network Economy
UBER: O vírus dos transportes
Amazon: O império escondido
Facebook: A startup perfeita
LinkedIn:  A rede séria

Quer tornar a sua empresa numa empresa GAFAnomics® ?
Contacte a FABERNOVEL:

Author avatar
Nuno Ribeiro
Portugal General Manager da agência de inovação FABERNOVEL. Foi diretor da unidade de negócio multimédia do grupo Global Media (2008 a 2012), diretor da unidade de negócios de Internet do grupo Cofina Media (1999 a 2008) e consultor do secretário de Estado da Comunicação Social para a área digital (1997 a 2002). Em paralelo com a atividade profissional foi docente, coordenador de programas executivos e pós-graduações nas Universidades: Católica-Lisbon, Europeia, ISEG e Lusófona (2001 a 2016). Colaborou com artigos de opinião e comentador, sobre temas de inovação, transformação digital e nova economia nos media: Visão, Diário de Notícias, Meios & Publicidade e Económico TV. 
Autor do livro Gerir na Era Digital (2011). É licenciado em Economia pela Católica-Lisbon, onde também concluiu o curso avançado Gestão de empresas tecnológicas e uma pós-graduação em Media e Entretenimento.
We use cookies to give you the best experience.